sábado, 15 de novembro de 2008

Benditas lágrimas















Benditas lágrimas!
Caiem em cascatas, lavam a alma numa ausência de palavras e presença.
E o silêncio da noite abraça-me ...voo nas brumas da noite em direcção a um mar de estrelas.
Ali, majestosa, sentada na lua….não vou perder o teu rasto.
Saudade das palavras, do teu sorriso a afagar o meu e do sabor da tua boca.
Ávida, estendo o braço...toco levemente o teu rosto adormecido.
Sorris.
Deleito-me….flutuo na minha fantasia... A tua pele recebe-me como uma brisa no seu doce acariciar.
Absorvo cada sabor teu, inalo cada perfume como elixir que me dá vida, que me mata a sede desta ausência prolongada.
A aurora despontará entre sorrisos e lembranças de um sonho… a minha alma pálida modela a tua figura suave e pura.
Almejo a felicidade e há dança em mim…

singularidade

18 comentários:

Parapeito disse...

...Almejo a felicidade e há dança em mim…

e mereces sim essa felicidade..e que possas sempre dançar...

Bonitas e nostálgicas palavras..

Beijo*

LINIERS,"EL BARRIO QUE NO QUIERO" disse...

Invitamos a participar de la campañan de lucha contra la pornografía infantil en internet. Podrás encontrar el logo correspondiente en nuestro blog cuyo link es: http://liniersasinotequeremos.blogspot.com
Hagamos algo entre todos para combatir este terrible mal. Muchas gracias. El equipo del blog.

JOICE WORM disse...

Cantar e dançar nos põe no topo do mundo em ponta de pés. As mãos para o alto e olhos fechados, se quiseres, lhe faz pensar que já alcançou a felicidade.
Joice

Haha... Escrevi por ti, linda. Vou postar no Pequeno Milagre.

lena disse...

gosto da ausência de palavras, onde só as mãos e os olhos sabem dizer...


as lágrimas bailam...

muitas vezes de felicidade!


beijinhos muitos e um abraço tão nosso

lena

Miguel Augusto disse...

Poema muito bonito!

Ana disse...

Quando as lágrimas bailam a felicidade existe, mesmo que seja em sonho.
Adoro este extraordinário poema.
Não te esqueças que gosto muito de ti.
Beijinhos doces,
Ana Paula

Marta disse...

Boa noite,

Sim, as lágrimas quase sempre são associadas à tristeza, mas a verdade é que significam também alegria por vezes.

Beijinho :D

Vieira Calado disse...

Um esbelto texto poético, foi o que hoje aqui vim encontrar.

Bjs

Dri Viaro disse...

que poesia mais linda!!
bjao

Nela disse...

Querida olá, que bela poesia, é verdade os olhos não choram só quando estão tristes, e sim também, quando estão alegre, á um ditado que diz...O coração mais os olhos são dois amigos leais, se o coração está triste logo os olhos dão sinal...mas que se aplica também á alegria, porque quando se conhece bem as pessoas, o que me acontece a mim, com quem amo, basta me olhar para os olhos, eles me dizem todo...sem brilho sem alegria,vejo logo...o que vai na alma.Amiga boa semana cheia de paz, beijinhos.

vida de vidro disse...

bela prosa poética! Lindíssimo. **

Nilson Barcelli disse...

Benditas lágrimas ou o poema da felicidade.
Como tu estás a escrever bem, cara amiga. Gostei imenso deste teu poema.
Beijinhos.

O Profeta disse...

Uma dança de sentires que brotam da tua alma...


Doce beijo

MoonLight disse...

Que maravilha este teu cantinho!
Não tinha dado conta. Tinha voltado ao VirtualR... Ai eu! :D
Beijocas muito luminosas!

bitu disse...

Oi linda madrinha, fiquei super feliz com a tua visita apesar de eu tb andar desaparecida. É o trabalhito....sabes como é.
Agora achei-te neste espaço lindo, de regresso com os teus poemas, não vou perder-te mais.
Beijinho terno e bom fim de semana

cõllybry disse...

Olá querida Isa, desculpa que quando descobri este Teu espaço, não reconheci...
Também elas, as lágrimas são de felicidade, que raramente são lembradas...

Lindo o Teu poetar...

Doce e terno beijo, querida

LuzdeLua disse...

Minha alma pálida, modela a tua figura...
Que mais posso dizer: Maravilhoso.

"Mesmo que as pessoas mudem e suas vidas se reorganizem, os amigos devem ser amigos para sempre, mesmo que não tenham nada em comum, somente compartilhar as mesmas recordações."
Vinícius de Moraes

Passando, deixo-te um abraço amigo

Vera Márcia disse...

Que versos tao lindos, que mostram a intensidade da saudade sentida no coração...lindo!!!